sexta-feira, 20 de abril de 2012

E o dia passou....

Eu sabia que o dia seria solitário, aliás a solidão insiste em bater em minha porta. Eu não abro, mas ela entra mesmo assim... doce ironia.
Mas o dia começou bem alegre e florido com as flores que meu marido mandou, pois estava de serviço 24 horas. Lindas!!!
Obrigada amor!!!


Depois saí e fui cuidar um pouco de mim. Unhas, cabelos, massagem... quase uma pop star.
Almocei com meu pai, que é o melhor pai do mundo. Te amo pai!
Voei pela cidade, parecia flutuar, não de felicidade, mas pela liberdade.
Dormi um pouco, recebi alguns telefonemas, minha família meio distante e ausente, alguns bate boca via e-mail com minha irmã.
O dia seguiu...
Jantei fora, me dei ao luxo de comer um pedaço de bolo, o bolo do meu aniversário e assisti ao filme:
Como agarrar meu ex-namorado, foi a mensagem da noite: Uma mulher bonita, lutando pelo que queria, ficção, mas não deixa de trazer o meu desejo de ser uma mulher feliz, agora com 35 anos, lutando por algo, buscando a felicidade.


Também me dei um livro de presente: O céu está em todo lugar!


Ainda não li, mas pela síntese trará uma grande mensagem para minha vida.
Minha vida, o que fazer com ela agora?
Onde tudo parece tão parado.
Queria mais ação, me recuperar, voltar ao trabalho feliz e satisfeita ou ter um novo trabalho que me satisfizesse, blá...blá... agora é hora de dormir e amanhã acordar com meus 35 anos.
Felicidades Alice, minha querida, hoje e sempre!
Você merece, você é uma pessoa boa de coração bom, só está inerte por um tempo... Vai passar, sua história não estará pelo avesso, assim, sem um final feliz.

quinta-feira, 19 de abril de 2012

Feliz Aniversário!!!
Meu aniversário será amanhã. Não terá nada, pq geralmente quem sempre programa algo sou eu e eu não programei nada.
Meu amado esposo estará trabalhando, minha família está aos pedaços. Não tenho ânimo para colar os caquinhos dela.
Então decidi que não farei nada, mas gostaria mt de apagar as velinhas e fazer meus pedidos:
1- Que Deus me abençõe, que seus olhos estejam sempre sobre mim e suas mãos a minha frente abrindo meus caminhos e atrás me livrando de ataques inesperados.
2- Que o amor do meu esposo por mim aumente cada dia mais.
3- Que meus filhos sejam saudáveis, perfeitos, inteligentes e amáveis. Que eu consiga educá-los bem.
4- Que minha saúde retorne e eu possa voltar ao meu trabalho.
5- Que eu possa ser boa em alguma coisa. Não sei cantar nem dançar, não tenho um dom ou algo parecido. Que eu possa descobrir algo para ser boa de verdade.




Independência!!!

Como é bom ter autonomia. Poder e vir a todo instante de todo lugar.
Como é bom ter carro, dinheiro pra colocar gasolina.
Comer o que quiser e comprar o que puder.
É mt bom ter dinheiro e liberdade.
Melhor ainda ter trabalho.
Obrigada, Deus pelo meu trabalho, estou afastada dele, mas sou mt grata por ele.

terça-feira, 17 de abril de 2012

O amor floresce!!






O amor faz tudo florescer, é como um dia desses do início da primavera em que tudo é colorido , alegre e perfumado.
É como um jardim repleto das mais lindas e maravilhosas flores.
O amor é assim, alegre como você sonhou e esperou.
E nesta atmosfera de amor você me pergunta o que eu quero, o que você pode fazer pra me agradar, o que eu quero ganhar...
Lembra que você fala que mais vale o sentimento, o respeito, o amor, a consideração; mais do que qualquer bem material.
É isso meu amor, eu já tenho tudo depois que encontrei você.
Você que é o meu amor, meu principezinho, meu amigo, meu anjo, meu coração, minha vida...
Adoro suas surpresinhas como manifestar seu amor nas comidinhas, com os bilhetinhos, com as massagens nos dedinhos. Adoro dormir grudada em você e acordar do seu lado, adoro estar ao seu lado, sair com você, amo seu sorriso, a forma como você se veste, se perfuma, se cuida e a forma como me ama. Adoro ser amada por você.
Fazer aniversário é só vivenciar a dádiva e graça de Deus por nos permitir viver e eu quero só viver do seu lado.

Você é o melhor presente que eu já ganhei.
Eu amo você por tudo que você é!!!

segunda-feira, 16 de abril de 2012

Família aos pedaços!


Em um desses momentos nostálgicos que antecedem o dia do aniversário, estive pensando na minha família e na minha infância e em como aquele tempo era bom.
Minha família era bem unida, fazíamos tudo juntos, nos amávamos.
Brigávamos, quem não briga? Brigas normais entre três irmãs.
Crescemos felizes, brincávamos, ríamos, nos divertíamos pra valer.
Meus pais? Perfeitos... minha mãe não era ligada em demonstrações de afeto. Brigava, batia, chamava atenção, educava a seu modo.
Meu pai era o herói, fazia tudo por nós, nos levava pra passear, comprava mimos, colhíamos caju no cerrado, viajávamos sempre e era uma farra. Lembro que gastava todo décimo terceiro dele com viagens em família. Ele também cozinhava e como comíamos a comida da mamãe todo dia a dele era excepcional. Estudávamos em escola particular, papai dava duro pra pagar e mamãe dava duro para que estivéssemos limpas, arrumadas, lição de casa feita, alimentadas e sempre prontas para ir ao colégio. Papai nos levava em seu fusquinha turbinado.
E por falar em fusquinha turbinado vivemos grandes aventuras nele.
Era assim, uma família normal com sonhos normais e vidas unidas.
Com o passar do tempo papai e mamãe permaneciam lá e nós crescíamos, nossos sonhos também, nossos passos tornaram-se largos, ás vezes fortes outras vezes nem tanto.
Cada uma tomou seu rumo e a família se despedaçou.
Cada uma com seus sonhos, alguns realizados, outros nem tanto...
Com suas vidas perfeitas, outras nem tanto...
Com suas famílias completas, outras nem tanto...
E a família se desfez, só temos agora as imagens guardadas na memória.
Para algumas é bom relembrar, para outras nem tanto...
Algumas sentem falta, outras nem tanto...
E assim a vida se segue.
Meu coração também está despedaçado, tenho saudades daquele tempo. Do tempo em que me sentia feliz e amada.
Quantas broncas e surras levei e o que mais eu desejava era alguém que me amasse. Passei a vida querendo ser amada. Me casei e agora que sou amada sinto falta da minha família do jeito que ela era e não despedaçada como está hoje.
Cada uma na sua, cada uma sendo engolida pelos afazeres profissionais, algumas percebem que estão voando graças ao esforço de nossos pais, outras nem tanto.
Sinto muito, sofro enormemente. Tento pensar em outras coisas, cuidar da minha vida, mas dói.
Cresci com a hipótese da preferência de minha mãe por uma das filhas que a cada dia se confirma e não importa o que eu faça o tempo não trará nada de volta, ele só anda pra frente. E me revolto, me irrito, magoo pessoas, me isolo e a vida segue seu rumo com cada um por si e Deus por nós todas.
O aniversário desenhado em minha mente será solitário, eu sozinha fazendo alguma coisa que goste, pois a solidão ainda está comigo e me assombra dia após dia.

sexta-feira, 13 de abril de 2012

Solidão!!!


Ainda me sinto só.
Sozinha no meio de uma multidão.
Uma solidão avassaladora que circunda esse lugar dos meus sonhos.
Me consome, me ilude, me destrói.
Oh! pra que tanta solidão???
Pq não vai saindo, pq não percebe que vai se dar mal???
Aff!!! Deixe-me em paz!!! Eu não preciso de vc, será que ainda não percebeu???
Pare de me assombrar, pare de me perseguir, pare de me fazer mal...
Eu só quero que vc pare e se vá...
Chega, não quero mais me sentir assim.
Adeus!!!

Gula que engorda!!!















Ultimamente parece que tudo o que eu quero é ilegal, é imoral ou engorda.
Tudo que eu penso engorda. Engordo só de pensar.
Mas qual será o prazer de viver se não posso comer.
E saltam aos meus olhos e aguçam a salivação: pizza, sorvete, sanduíche, chocolate; esse então, hum, nem se fala!
Oh! vida cruel, só de ver já engordei, se sentir o sabor então, o peso triplica inclusive o da consciência que vê um guarda roupa inteiro perdido.
Ah! Quem me dera ter meus 58 quilos novamente.
Atividade física? Nem caminhada consigo fazer.
A coisa tá é feia pro meu lado e eu ficando feia,haja autoestima, haja espelho espelho meu...